quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Tempo ao Tempo!

Nossa quanto tempo né.. Cacetada! Nem sei como anda o ar disso mais!

Mas é tão bom, ainda quero descobrir o por que de eu ter largado aqui! Que não me lêem tudo bem, mas é uma coisa que preciso praticar! Então mãos à obra!

Depois de quase um ano, eu retomo isso aqui, um pedaço de mim que quase oculto me alivia! De todos escapes que tenho esse talvez seja o melhor, o mais calmo e o menos doloroso!

"Deixa estar que o que for pra ser vigora..." é o que eu acabei de ouvir, e o que eu ouvi a mais ou menos 11 meses atrás. Em um ano perdemos a noção de como a vida anda, se forma e passa pela gente e nem se quer vemos. Costumo dizer que o que foi nunca voltará, e com muita cautela vivo feliz, sem medo de me arrepender de nada. Depois de estar totalmente renovado em pensamento e comportamento, sinto que ocorre uma grande evolução. Claro que não começada de hoje, mas podemos dizer que de uns 4 anos pra cá! Tamanha evolução que não consigo distinguir o que era antes.

E com isso vejo que a cada dia a troncos e barrancos acontecem as mudanças ainda. De forma brusca, doída, que machuca, mas acontecem..

Voltaremos as atividades normalmente, e as coisas se acertam.

Felipe Lordes

Nenhum comentário:

Postar um comentário